web-archive-pt.com » PT » A » ABOLA.PT

Total: 1703

Choose link from "Titles, links and description words view":

Or switch to "Titles and links view".
  • abola.pt
    complicado Depois aos 86 minutos Jesé fez os segundo e complicou ainda mais as contas dos italianos Real Madrid Todos esperam que Ronaldo marque sempre Zidane O treinador do Real Madrid Zinedine Zidane ficou muito satisfeito por Cristiano Ronaldo ter marcado à Roma isto porque defendeu que o goleador português está sempre pressionado para faturar em todos os jogos Estou contente Ronaldo ter marcado todos esperam que ele marque sempre golos Também estou contente por termos ganho e quero destacar o esforço de toda a equipa e acho que estivemos muito melhor na segunda parte afirmou Zidane em conferência de Imprensa O Real Madrid tem sentido problemas para ganhar fora de casa A verdade é que vai ser sempre difícil jogar fora e hoje também foi É claro que é mais difícil do que quando jogamos no Santiago Bernabéu Agora ganhar fora na Champions é muito importante e estou contente com o desempenho de Ronaldo e de todos Somos uma equipa O Real Madrid tem dois golos de vantagem e agora vai receber a Roma em casa mas o treinador francês não acha que a eliminatória esteja definida Isso não existe no futebol Nada está decidido Temos de jogar a segunda mão mas é claro que estamos contentes por termos ganho por 2 0 mas nada está fechado Liga dos Campeões Wolfsburgo vence em Gent 3 2 O Wolfsburg ficou mais perto dos quartos de final da Liga dos Campeões ao vencer esta quarta feira no terreno do Gent 3 2 no encontro da primeira mão dos oitavos da competição Draxler foi a figura do encontro apontando os dois primeiros golos da formação germânica aos 44 e 54 minutos No segundo tempo Max Kruse ampliou a vantagem para o Wolfsburgo com o capitão do Gent Sven Kums e Coulibaly a reduzirem para a equipa da casa aos 81 e 89 minutos respetivamente O encontro da segunda mão está agendado para o próximo dia 8 de março em Wolfsburgo Paris Saint Germain Ibrahimovic abre a porta ao campeonato inglês O sueco Zlatan Ibrahimovic que está em fim de contrato com o Paris Saint Germain revelou que dentro de pouco tempo vão surgir novidades em relação ao seu futuro e não afastou o cenário de jogar na Premier League Ainda tenho mais três meses aqui no Paris Saint Germain e depois o que irá acontecer Coisas importantes vão acontecer mas vão ter de esperar para ver afirmou Zlatan Ibrahimovic em declarações reproduzidas pela Imprensa inglesa Questionado se depois de ter experimentado o futebol espanhol italiano e francês se iria para Inglaterra Vou só dizer que estou em boa forma O avançado de 34 anos também tem sido apontado a clubes norte americanos e do Qatar Entre as chuteiras de Ronaldo e o sonho de ser como o ídolo Di María Estilos e Espantos Recados avisos e ameaças O futebol sírio é uma manta de retalhos difícil de descrever Pode se falar do campeonato que continua a decorrer apesar da Guerra Civil e das bombas que rebentam sem aviso Não escolhem sexo nem idade na hora da despedida O que é verdade desaparece num pequeno fragmento e o que é mentira nunca se chega a conhecer o veredito final Tem sido assim desde a Primavera Árabe de 2011 Pode se falar dos muitos jovens que sonhavam em ser jogadores de futebol mas que perderam a vida nessa maldita guerra sem precedentes Pode se falar daqueles jovens cujo sonho ainda persiste Não se consideram refugiados apenas foram obrigados a partir em busca de um futuro melhor Obrigados a abandonar as suas casas para não se perderem entre os escombros Obrigados a correr e nunca olhar para trás com o medo de não conhecerem o amanhã O combate entre o Governo e a oposição não tem forma de parar A ajuda humanitária chega esporadicamente a alguns lugares Milhares de sírios permanecem presos outros nem chegam a porto seguro Apenas desaparecem A oposição fragmentou se os rebeldes lutam uns contra os outros a palavra Al Qaeda está na frente do combate Espera se um milagre Amer não conseguiu esperar No Brasil encontrou um porto seguro Veste a camisola do Guarani sabe de cor todos os passos de Ronaldinho Gaúcho Anas é apenas dois anos mais velho que o seu compatriota escolheu Portugal como esconderijo Lá no Desportivo das Aves já se acostumou aos amigos Ainda recorda a velha Síria quando as cores faziam sentido Hoje predomina o cinzento o fumo as bombas Apaixonado pelo futebol confessa se um admirador de Cristiano Ronaldo mas é em Di María que vê um exemplo a seguir Não trouxe muito na bagagem apenas os sonhos e o pensamento de mudança para um dia mostrar aos sírios que ainda existe esperança A guerra já dura desde março de 2011 na cidade de Deraa depois da prisão de um dos jovens que teve a ousadia de pintar slogans revolucionários no muro da escola durante a Primavera Árabe O dia em que marcou para sempre o Médio Oriente o dia em que a população saiu à rua para protestar contra a má conduta dos ditadores e reivindicar por melhores condições de vida Todos anseiam pelo mesmo a saída do Presidente Assad do poder Mas ele é persistente e não quer sair O país entrou num clima de Guerra Civil são constantes as lutas entre os rebeldes e as tropas governamentais pelo controle das cidades Em 2012 a violência chegou à capital Damasco e à segunda metrópole mais importante do país Aleppo Amer e Anas sobreviveram entre bombas mas alguns dos amigos não tiveram a mesma sorte Tudo o que queriam era jogar futebol Depois de Adão e Eva só mesmo a mulher barbuda e o homem lagosta Estilos e Espantos Para os mais apaixonados todos os dias são bons dias para namorar mas o 14 de fevereiro é especial E como manda a tradição os mais românticos não deixaram o dia passar em branco Desde flores chocolates postais as trocas de presentes e

    Original URL path: http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=526127 (2016-02-18)
    Open archived version from archive


  • abola.pt
    posição do Comité Olímpico de Portugal o que fica para uma próxima crónica Gustavo Pires é professor catedrático da Faculdade de Motricidade Humana Gustavo Pires NOTÍCIAS RELACIONADAS 17 43 14 10 2014 A Competição em Pierre de Coubertin artigo de Gustavo Pires 2 18 53 29 09 2014 Ver longe Ser Competente Organizar o Futuro artigo de Gustavo Pires 1 comentários 0 Faça um comentário máx 300 Login Já não é possível comentar esta notícia mais de OLIMPISMO 09 02 2016 21 48 Simplesmente Mulheres artigo de Gustavo Pires 28 Olimpismo Pierre de Coubertin ao contrário do que geralmente se afirma não era contra a prática desportiva das mulheres Ele até dizia que se as mulheres quisessem praticar desp 04 01 2016 18 33 Cavaco Silva condecora José Manuel Constantino e três medalhados olímpicos Olimpismo José Manuel Constantino presidente do Comité Olímpico de Portugal foi esta segunda feira agraciado pelo Presidente da República Cavaco Silva com a Ordem do Infante D 16 04 28 12 2015 Olimpismo e Solidariedade Para uma Ética de Responsabilidade Social artigo de Gustavo Pires 26 22 31 05 12 2015 Vítor Serpa evoca legado de Pierre de Coubertin no aniversário da Academia Olímpica 23 18 29 11 2015 Uma Nova Agenda para o Desporto artigo de Gustavo Pires 24 Ver todas as notícias destaques Liga dos Campeões Real Madrid vence Roma 2 0 O Real Madrid venceu a Roma por 2 0 e está com pé e meio nos quartos de final da Liga dos Campeões Cristiano Ronaldo voltou a ser decisivo com um grande golo que desbloqueou um jogo até aí muito complicado Depois aos 86 minutos Jesé fez os segundo e complicou ainda mais as contas dos italianos Real Madrid Todos esperam que Ronaldo marque sempre Zidane O treinador do Real Madrid Zinedine Zidane ficou muito satisfeito por Cristiano Ronaldo ter marcado à Roma isto porque defendeu que o goleador português está sempre pressionado para faturar em todos os jogos Estou contente Ronaldo ter marcado todos esperam que ele marque sempre golos Também estou contente por termos ganho e quero destacar o esforço de toda a equipa e acho que estivemos muito melhor na segunda parte afirmou Zidane em conferência de Imprensa O Real Madrid tem sentido problemas para ganhar fora de casa A verdade é que vai ser sempre difícil jogar fora e hoje também foi É claro que é mais difícil do que quando jogamos no Santiago Bernabéu Agora ganhar fora na Champions é muito importante e estou contente com o desempenho de Ronaldo e de todos Somos uma equipa O Real Madrid tem dois golos de vantagem e agora vai receber a Roma em casa mas o treinador francês não acha que a eliminatória esteja definida Isso não existe no futebol Nada está decidido Temos de jogar a segunda mão mas é claro que estamos contentes por termos ganho por 2 0 mas nada está fechado Liga dos Campeões Wolfsburgo vence em Gent 3 2 O Wolfsburg ficou mais perto dos quartos de final da Liga dos Campeões ao vencer esta quarta feira no terreno do Gent 3 2 no encontro da primeira mão dos oitavos da competição Draxler foi a figura do encontro apontando os dois primeiros golos da formação germânica aos 44 e 54 minutos No segundo tempo Max Kruse ampliou a vantagem para o Wolfsburgo com o capitão do Gent Sven Kums e Coulibaly a reduzirem para a equipa da casa aos 81 e 89 minutos respetivamente O encontro da segunda mão está agendado para o próximo dia 8 de março em Wolfsburgo Paris Saint Germain Ibrahimovic abre a porta ao campeonato inglês O sueco Zlatan Ibrahimovic que está em fim de contrato com o Paris Saint Germain revelou que dentro de pouco tempo vão surgir novidades em relação ao seu futuro e não afastou o cenário de jogar na Premier League Ainda tenho mais três meses aqui no Paris Saint Germain e depois o que irá acontecer Coisas importantes vão acontecer mas vão ter de esperar para ver afirmou Zlatan Ibrahimovic em declarações reproduzidas pela Imprensa inglesa Questionado se depois de ter experimentado o futebol espanhol italiano e francês se iria para Inglaterra Vou só dizer que estou em boa forma O avançado de 34 anos também tem sido apontado a clubes norte americanos e do Qatar Entre as chuteiras de Ronaldo e o sonho de ser como o ídolo Di María Estilos e Espantos Recados avisos e ameaças O futebol sírio é uma manta de retalhos difícil de descrever Pode se falar do campeonato que continua a decorrer apesar da Guerra Civil e das bombas que rebentam sem aviso Não escolhem sexo nem idade na hora da despedida O que é verdade desaparece num pequeno fragmento e o que é mentira nunca se chega a conhecer o veredito final Tem sido assim desde a Primavera Árabe de 2011 Pode se falar dos muitos jovens que sonhavam em ser jogadores de futebol mas que perderam a vida nessa maldita guerra sem precedentes Pode se falar daqueles jovens cujo sonho ainda persiste Não se consideram refugiados apenas foram obrigados a partir em busca de um futuro melhor Obrigados a abandonar as suas casas para não se perderem entre os escombros Obrigados a correr e nunca olhar para trás com o medo de não conhecerem o amanhã O combate entre o Governo e a oposição não tem forma de parar A ajuda humanitária chega esporadicamente a alguns lugares Milhares de sírios permanecem presos outros nem chegam a porto seguro Apenas desaparecem A oposição fragmentou se os rebeldes lutam uns contra os outros a palavra Al Qaeda está na frente do combate Espera se um milagre Amer não conseguiu esperar No Brasil encontrou um porto seguro Veste a camisola do Guarani sabe de cor todos os passos de Ronaldinho Gaúcho Anas é apenas dois anos mais velho que o seu compatriota escolheu Portugal como esconderijo Lá no Desportivo das Aves já se acostumou aos amigos Ainda recorda a velha

    Original URL path: http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=512979 (2016-02-18)
    Open archived version from archive

  • abola.pt
    tão instável quanto essencial que ele noutros textos 10 aprofundou no desenvolvimento do conceito de euritmia Neste cenário cada clube enquanto célula base da prática desportiva alimentava se das vitórias que conseguia impor aos demais e a questão competitiva esgotava se na alegria do resultado pois ganhar ou perder era desporto e como referiu Ethelbert Talbot Bispo da Pensilvânia USA no sermão que proferiu aos atletas que participavam nos Jogos de Londres 1908 o importante nos Jogos Olímpicos não é ganhar mas sim participar tal como o essencial na vida não é conquistar mas lutar bem Muito embora o discurso do Bispo tenha passado despercebido para a maioria como se veio a verificar posteriormente pelos incidentes na prova de 400m barreiras e na maratona dos JO de Londres 1908 o que é facto é que Coubertin não deixou de aproveitar a ideia do Bispo para no discurso proferido a 24 de julho aquando do banquete de encerramento dos JO dizer Domingo passado durante a cerimónia organizada em São Paulo em honra dos atletas o Bispo de Pensilvânia referiu em termos muito felizes O importante nos Jogos Olímpicos é menos ganhar do que participar O importante na vida não é o triunfo mas o combate 11 Mas a situação na Europa não era fácil E Coubertin disso tinha perfeita consciência Na sua opinião os males de que a Europa sofria não decorriam da guerra E argumentava a guerra só os piorou A sua origem é mais distante Eles vêm do estado de falência em que a pedagogia ocidental está mergulhada Concebidos num momento em que os conhecimentos científicos eram limitadas e as relações internacionais restritas o nosso sistema de instrução já não tem capacidade suficiente para conter aquilo que é hoje necessário saber O aprender pelos velhos métodos é impossível É necessário portanto introduzir novos métodos Só uma reforma livre e abrangente ultrapassará os mal entendidos que ameaçam a paz internacional e a paz social 12 Portanto foi neste ambiente em que tal como diria Nietzsche relativamente aos gregos antigos que consideravam uma séria necessidade o dar livre e pleno curso à manifestação do seu ódio que ao longo da primeira metade do século XX começou a ser construído o MED o que como não podia deixar de ser por vezes desencadeou consequências perniciosas que se vieram a manifestar sobretudo na segunda metade do século XX A segunda metade do século XX abre fundamentalmente com a presidência de Avery Brundage 1887 1975 13 que assumiu a liderança do COI imediatamente após os JO de Helsínquia 1952 14 E com Brundage ressurgiram na ordem do dia os quatro grandes estigmas que haviam de condicionar até ao final do século o MO e a institucionalização do MED Eram eles o profissionalismo o comercialismo o gigantismo e o apolitismo A equação do problema não era de fácil resolução A questão do profissionalismo e das condições de elegibilidade dos atletas amadores vinha do 1º Congresso Olímpico 1894 Teve nos JO de Estocolmo 2012 um dramático exemplo com o caso Jim Thorpe 1887 1953 que acabou por anunciar a chegada do comercialismo ao mundo do desporto uma vez que a existência de profissionalismo só era possível no quadro do gigantismo da economia de escala próprio de uma sociedade de mercado E foi precisamente nas modalidades capazes de gerar uma economia de mercado como por exemplo entre outras o futebol o esqui alpino ou o ciclismo onde começaram a acontecer as mais atrevidas transgressões ao estatuto de amador ao ponto de Brundage em 1970 com o tom dramático que costumava colocar nos seus discursos afirmar que é meu penoso dever informar que os Jogos Olímpicos estão em sério perigo 15 O que aconteceu foi que nos JO de Inverno de Grenoble 1968 a generalidade dos atletas eram profissionais associados a empresas de equipamentos desportivos Quer dizer começaram se a fazer sentir os efeitos da entrada da Televisão nos JO de Roma 1960 e das questões financeiras a ela associadas No final dos seus mandatos Brundage era um homem completamente derrotado pela dimensão política que envolvia o Olimpismo e os JO decorrente de problemas como entre outros o das duas Chinas ou os da Rodésia e da África do Sul Em consequência o COI encontrava se numa profunda crise de credibilidade Por isso conforme se pode verificar na ata da 75ª Sessão do COI realizada de 21 a 24 de outubro de 1974 em Viena na Áustria só concorreram à realização dos JO da XXII Olimpíada duas cidades Los Angeles e Moscovo Entretanto a partir dos anos oitenta as verbas começaram a ter volumes significativos E sob a liderança de Antonio Samaranch 1920 2010 o COI progressivamente de uma forma clara e assumida iniciou um processo de distanciamento da filosofia anticomercial que até então tinha orientado a sua estratégia A este respeito anos mais tarde Samaranch explicou que o COI numa estratégia que viria a mudar radicalmente a face do desporto moderno proclamou yes to commercialisation 16 Como em tempos referiu Bill Gates as coisas mudam quando muda a origem das suas fontes de financiamento 17 ora o comercialismo e os consequentes profissionalismo gigantismo e apolitismo começaram a desencadear mudanças radicais no mundo do desporto para as quais o MED não tinha capacidade de resposta Na realidade o MED na sua conceção inicial era 1 Social porque se dirigia à generalidade da população de potenciais praticantes 2 Corporativo no sentido em que os praticantes os técnicos e os dirigentes comungavam dos mesmos interesses 3 Pedagógico na medida em que no seu fundamental era considerado um instrumento de educação e cultura 4 Inclusivo pois a partir do conceito de nível desportivo privilegiava políticas que visam uma relação ótima entre a massa de praticantes e a elite 5 Piramidal de base aberta porque o acesso aos quadros competitivos obedecia a critérios exclusivamente desportivos O efeito mais visível desta mudança de paradigma traduz se no facto da vitória ter deixado de ter valor exclusivamente desportivo para passar também e sobretudo a ter valor económico social e político Repare se por exemplo que em Portugal a portaria 103 2014 de 15 de maio estabelece um prémio de 40 mil euros para os atletas que conquistem uma medalha de ouro nos JO o dobro do valor atribuído a um campeão do mundo quando se sabe que na generalidade das modalidades desportivas o valor desportivo da medalha está nos Campeonatos do Mundo e não nos JO onde as medalhas em grande medida são determinadas pelo fator sorte Quer dizer uma medalha olímpica à parte do inegável valor desportivo tem um valor económico social e político acrescido que os dirigentes não deixam de explorar Hoje para além do bem e do mal o MED 1 Já não é só social é também económico na medida em que já não se dirige só aos praticantes mas também e fundamentalmente aos espetadores geradores de negócios e de economia 2 Já não é só corporativo é também individualista na medida em que aconteceu uma desarticulação de interesses entre os protagonistas atletas técnicos e dirigentes 3 Já não é só pedagógico é também político na medida em que está sujeitos aos processos políticos de engenharia social quer eles tenham sinal positivo ou negativo 4 Já não é só inclusivo é também exclusivo na medida em que está dominado pelo efeito de ídolo que deve se o agente catalisador das políticas públicas a desencadear a montante 5 Já não é só piramidal mas de estrutura em rede na medida em que os mais diversos interesses económicos sociais e políticos interagem no mesmo plano hierárquico de ação na procura de uma euritmia de desenvolvimento que se ajuste à dinâmica da civilização pós industrial Concluindo 18 já não chega só participar Porque como Vítor Serpa chamava a atenção num dos seus editoriais o importante é ganhar Quer dizer que a lógica do MED mudou radicalmente Assim sendo é necessário iniciar um processo de ajustamento do MED ao novo quadro político económico e social que rege o desporto moderno ajustamento esse que deve acontecer desde os programas de educação desportiva a desencadear a nível dos ensinos básico e secundário até ao alto rendimento inclusive as Missões Olímpicas passando pelo desenvolvimento de políticas públicas dirigidas à generalidade da população Notas 1 Crowther Nigel B 2007 Sport in Ancient Times USA Greenwood Publishing Group 2 Coubertin Pierre 1914 La Préface des Jeux Olympiques Textes Choisis Tome I Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 93 3 A este respeito Coubertin foi digno de um prémio Nobel para o qual foi por duas vezes proposto mas nunca aceite Quando aos 98 anos de idade Marie Rothan 1861 1965 Baronesa de Coubertin mulher de Pierre Coubertin a viver numa situação de dificuldades económicas deu uma entrevista ao historiador John Lucas uma das suas confidências foi a de dizer que apesar de o amar nunca ter perdoado ao marido o facto de ele ter despendido o património familiar ao serviço do MO Como se sabe Coubertin já na fase final da sua vida passou por enormes dificuldades económicas ao ponto de perante a maior indiferença dos franceses seus concidadãos ter sido obrigado por motivos de saúde a recorrer aos favores dos alemães Cf Martyn Scott G 1998 An Uncomfortable Circle of Knowledge An Examination of the Nairobi Treaty on the Protection of the Olympic Symbol In Global and Cultural Critique Problematizing the Olympic Games Forth International Symposium Olympic Research University of Western Ontario Canada p 87 4 Cf Toffler Alvin 1980 A Terceira Vaga Lisboa Livros do Brasil p 49 5 Schantz Otto t Müller Norbert 1986 Sport Education et Société In Coubertin Pierre 1986 Textes Choisis Tome II Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York Weidmann 3 tomes Cordinateur de l édition et directeur de recherche Norbert Müller P 361 p 7 Prefácio ao III volume 6 Cf Parlebas Pierre 1981 Contribuition a un Lexique Commenté en Science de L Action Motrice Paris Institut National du Sport et de L Education Physique 7 Provavelmente inspirado pelos jogos recreativos que já se praticavam o basquetebol foi inventado por James Naismith da Associação Cristã da Mocidade de Springfield Massachusetts USA que se serviu de cestos para apanhar pêssegos a fim de conceber um novo jogo a praticar em ambiente escolar e por isso com um caráter eminentemente educativo 8 Coubertin Pierre 1986 Pédagogie Sportive Action Morale et Sociale In Textes Choisis Tome I Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 442 Pédagogie Sportive Paris G Crès 1922 2 édition Lausanne B I P S 1934 pp 127 154 9 Cf Nietzsche Friedrich 2003 A Competição em Homero In A Competição em Nietzsche Introdução tradução e notas de Rafael Gomes Filipe Lisboa Veja 10 Cf Coubertin Pierre 1986 Pédagogie Sportive Textes Choisis Tome II Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 442 Pédagogie Sportive Paris G Crès 1922 2 édition Lausanne B I P S 1934 pp 127 154 11 Cf Pierre de Coubertin Textes Choisis Tome III Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 449 12 Coubertin Pierre 1986 Textes Choisis Tome I Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York Weidmann 3 tomes Cordinateur de l édition et directeur de recherche Norbert Müller P 367 Alocução proferida via rádio a 15 de novembro de 1925 por ocasião da abertura dos trabalhos da União Pedagógica Internacional da qual Pierre de Coubertin tinha sido eleito presidente 13 Avery Brundage foi presidente do COI de 1952 a 1972 Saiu imediatamente depois dos JO de Munique 1972 14 Avery Brundage sucede ao sueco Sigfrid Edström 1870 1964 que tinha assumido a presidência interina do COI por morte do belga Henri de Baillet Latour 1876 1942 15 Cf Ata da 69ª Sessão do COI Amesterdão 12 a 16 de maio de 1970 Anexo I p 1 16 Cf Ata da 108ª Sessão do COI Lausanne 17 e 18 de março de 1999 p 10 17 Cf http www freerepublic com focus f news 1245493 posts You really affect things when you change their economic source 18 Continua Gustavo Pires comentários 0 Faça um comentário máx 300 Login Já não é possível comentar esta notícia mais de OLIMPISMO 09 02 2016 21 48 Simplesmente Mulheres artigo de Gustavo Pires 28 Olimpismo Pierre de Coubertin ao contrário do que geralmente se afirma não era contra a prática desportiva das mulheres Ele até dizia que se as mulheres quisessem praticar desp 04 01 2016 18 33 Cavaco Silva condecora José Manuel Constantino e três medalhados olímpicos Olimpismo José Manuel Constantino presidente do Comité Olímpico de Portugal foi esta segunda feira agraciado pelo Presidente da República Cavaco Silva com a Ordem do Infante D 16 04 28 12 2015 Olimpismo e Solidariedade Para uma Ética de Responsabilidade Social artigo de Gustavo Pires 26 22 31 05 12 2015 Vítor Serpa evoca legado de Pierre de Coubertin no aniversário da Academia Olímpica 23 18 29 11 2015 Uma Nova Agenda para o Desporto artigo de Gustavo Pires 24 Ver todas as notícias destaques Liga dos Campeões Real Madrid vence Roma 2 0 O Real Madrid venceu a Roma por 2 0 e está com pé e meio nos quartos de final da Liga dos Campeões Cristiano Ronaldo voltou a ser decisivo com um grande golo que desbloqueou um jogo até aí muito complicado Depois aos 86 minutos Jesé fez os segundo e complicou ainda mais as contas dos italianos Real Madrid Todos esperam que Ronaldo marque sempre Zidane O treinador do Real Madrid Zinedine Zidane ficou muito satisfeito por Cristiano Ronaldo ter marcado à Roma isto porque defendeu que o goleador português está sempre pressionado para faturar em todos os jogos Estou contente Ronaldo ter marcado todos esperam que ele marque sempre golos Também estou contente por termos ganho e quero destacar o esforço de toda a equipa e acho que estivemos muito melhor na segunda parte afirmou Zidane em conferência de Imprensa O Real Madrid tem sentido problemas para ganhar fora de casa A verdade é que vai ser sempre difícil jogar fora e hoje também foi É claro que é mais difícil do que quando jogamos no Santiago Bernabéu Agora ganhar fora na Champions é muito importante e estou contente com o desempenho de Ronaldo e de todos Somos uma equipa O Real Madrid tem dois golos de vantagem e agora vai receber a Roma em casa mas o treinador francês não acha que a eliminatória esteja definida Isso não existe no futebol Nada está decidido Temos de jogar a segunda mão mas é claro que estamos contentes por termos ganho por 2 0 mas nada está fechado Liga dos Campeões Wolfsburgo vence em Gent 3 2 O Wolfsburg ficou mais perto dos quartos de final da Liga dos Campeões ao vencer esta quarta feira no terreno do Gent 3 2 no encontro da primeira mão dos oitavos da competição Draxler foi a figura do encontro apontando os dois primeiros golos da formação germânica aos 44 e 54 minutos No segundo tempo Max Kruse ampliou a vantagem para o Wolfsburgo com o capitão do Gent Sven Kums e Coulibaly a reduzirem para a equipa da casa aos 81 e 89 minutos respetivamente O encontro da segunda mão está agendado para o próximo dia 8 de março em Wolfsburgo Paris Saint Germain Ibrahimovic abre a porta ao campeonato inglês O sueco Zlatan Ibrahimovic que está em fim de contrato com o Paris Saint Germain revelou que dentro de pouco tempo vão surgir novidades em relação ao seu futuro e não afastou o cenário de jogar na Premier League Ainda tenho mais três meses aqui no Paris Saint Germain e depois o que irá acontecer Coisas importantes vão acontecer mas vão ter de esperar para ver afirmou Zlatan Ibrahimovic em declarações reproduzidas pela Imprensa inglesa Questionado se depois de ter experimentado o futebol espanhol italiano e francês se iria para Inglaterra Vou só dizer que estou em boa forma O avançado de 34 anos também tem sido apontado a clubes norte americanos e do Qatar Entre as chuteiras de Ronaldo e o sonho de ser como o ídolo Di María Estilos e Espantos Recados avisos e ameaças O futebol sírio é uma manta de retalhos difícil de descrever Pode se falar do campeonato que continua a decorrer apesar da Guerra Civil e das bombas que rebentam sem aviso Não escolhem sexo nem idade na hora da despedida O que é verdade desaparece num pequeno fragmento e o que é mentira nunca se chega a conhecer o veredito final Tem sido assim desde a Primavera Árabe de 2011 Pode se falar dos muitos jovens que sonhavam em ser jogadores de futebol mas que perderam a vida nessa maldita guerra sem precedentes Pode se falar daqueles jovens cujo sonho ainda persiste Não se consideram refugiados apenas foram obrigados a partir em busca de um futuro melhor Obrigados a abandonar as suas casas para não se perderem entre os escombros Obrigados a correr e nunca olhar para trás com o medo de não conhecerem o amanhã O combate entre o Governo e a oposição não tem forma de parar A ajuda humanitária chega esporadicamente a alguns lugares Milhares de sírios permanecem presos outros nem chegam a porto seguro Apenas desaparecem A oposição fragmentou se os rebeldes lutam uns contra os outros a palavra Al Qaeda está na frente do combate Espera se um milagre Amer não conseguiu esperar No Brasil encontrou um porto seguro Veste a camisola do Guarani sabe de cor todos os passos de Ronaldinho Gaúcho Anas é apenas dois anos mais velho que o seu compatriota escolheu Portugal como esconderijo Lá no Desportivo das Aves já se acostumou aos amigos Ainda recorda a velha Síria quando as cores faziam sentido Hoje predomina o cinzento o fumo as bombas Apaixonado pelo futebol confessa se um admirador de Cristiano Ronaldo mas é em Di María que vê um exemplo a seguir Não trouxe muito na bagagem apenas os sonhos e o pensamento de mudança para um dia

    Original URL path: http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=510104 (2016-02-18)
    Open archived version from archive

  • abola.pt
    foi uma atividade assética longe dos problemas do mundo e da política que rege as relações humanas A estratégia relativa à institucionalização dos JO da era moderna utilizada por Coubertin como ele próprio refere nas suas memórias passava pela utilização dos mais diversos subterfúgios que incluíam o fazer se desentendido Nesta perspetiva em janeiro de 1894 divulgou uma carta por todo o mundo em que anunciava a realização de um Congresso Internacional cuja ordem de trabalhos seria a discussão acerca das questões relativas ao amadorismo e aos critérios de elegibilidade dos atletas que era uma das questões que mais preocupava os prosélitos do desporto Contudo de uma forma discreta no final da carta também anunciava o propósito de instituir a realização dos JO o seu principal objetivo Assim dos dez pontos da ordem de trabalhos só os três últimos tratavam das questões relativas aos JO VIII Possibilidade do seu restabelecimento IX Condições a impor aos concorrentes X Nomeação de um Comité Internacional encarregado de os estabelecer 14 O 1º Congresso Olímpico acabou por funcionar com duas comissões uma para as questões relativas aos amadores e outra para as questões relativas aos JO Das conclusões relativas à organização do JO ficou decidido Que nenhumas dúvidas deviam existir quanto aos benefícios do renascimento dos JO Com exceção da esgrima em todas as provas só podiam participar atletas amadores Um Comité Internacional seria o responsável pela organização dos JO e da definição das regras Nenhum país tinha o direito de ser representado senão pelos seus nacionais Desportos desportos atléticos propriamente ditos corridas e concursos desporto náuticos Jogos atléticos futebol ténis paume etc patinagem esgrima boxe luta Desportos hípicos polo velocipedia pentatlo alpinismo Os primeiros jogos realizar se iam em Atenas em 1896 15 E no banquete do Congresso perante as mais altas individualidades do mundo da EF Coubertin teve a oportunidade de dizer Neste ano de 1894 foi nos possível reunir nesta grande cidade de Paris os representantes de atletismo internacional que por unanimidade uma vez que a princípio é incontroverso votaram o retorno de uma ideia com dois mil anos que como outrora agita os corações dos homens pois ela satisfaz um dos instintos mais vitais e para além de tudo o que possa ser dito dos mais nobres E estes mesmos delegados no templo da ciência aceitaram ouvir uma melodia antiga de dois mil anos reconstruída por uma sábia arqueologia feita pelos trabalhos sucessivos de muitas gerações E à noite a eletricidade transmitiu a notícia de que o Olimpismo helénico entrou novamente no mundo depois de um eclipse de vários séculos 16 A questão da competição formal organizada à escala do Planeta que era verdadeiramente o sonho de Coubertin ficou à margem do Congresso Apesar de tudo embora quase despercebido do ponto de vista ideológico um dos aspetos portadores de futuro que ficou a marcar o Congresso foi o lema olímpico proclamado por Michel Bréal 1832 1915 17 que terminou o seu discurso proferindo a divisa atlética formulada pelo Frade Didon e que segundo o Bulletin du Comité International des Jeux Olympiques foi adotada pelo Congresso citius fortius altius 18 Todavia a divisa praticamente só voltou a ser utilizada nos anos vinte no frontispício da Carta Olímpica CO de 1921 sem qualquer referência no articulado do texto Finalmente na CO de 1933 pela primeira vez apareceu vertida no articulado a divisa do COI citius altius fortius o que significa que toda a ideia que de alguma maneira valorizasse a dinâmica da competição e os seus valores tal como em muitas circunstâncias ainda acontece passava pelas maiores dificuldades Hoje é possível compreender que a estratégia de soft power utilizada por Coubertin através de uma abordagem indireta revelou ser a mais apropriada para a institucionalização do MO à escala planetária À exceção de um artigo de 1911 19 de uma maneira geral Coubertin evitou afrontar diretamente os prosélitos da EF 20 Ao longo dos milhares de textos que escreveu raramente utilizou a expressão educação física 21 E porque Porque ele sabia bem o que queria Para além de uma significativa experiência administrativa adquirida nos corpos de direção de várias agremiações desportivas ele também tinha uma boa experiência no domínio do combate ideológico na medida em que nos últimos anos do século XIX travou combates importantíssimos contra Paschal Grousset 1844 1909 um esquerdista da Comuna de Paris com quem Coubertin recusava ter relações pessoais e Philipe Tissié 1852 1935 um médico suecofílico que viria a ser um dos fundadores da Federação Internacional de Educação Física FIEP com quem cortou definitivamente relações institucionais a partir dos acontecimentos relativos ao Congresso Olímpico do Havre realizado em 1897 Quando em 1889 Coubertin desencadeou um processo para unir o Comité pour la Propagation des Exercises Physiques com a Union des Sociétés Françaises de Course a Pied organizações desportivas a que estava ligado a fim de fundar a USFSA o seu interesse estava em criar uma superestrutura que permitisse à generalidade das agremiações desportivas libertarem se dos pedagogismos anti competição e das perspetivas higiénicas da EF que no espírito das pessoas era tida como uma superestrutura ideológica virtual à qual as atividades físicas de caráter eminentemente desportivo se tinham de submeter Só assim foi possível desencadear uma rutura que permitiu criar as condições para em 1894 desencadear a fundação do Comité International des Jeux Olympiques e em 1896 a realização dos Jogos da 1ª Olimpíada da era moderna na cidade de Atenas condições sine qua non para o desenvolvimento do desporto moderno Para Coubertin os JO simbolizavam a busca da superação e da excelência que devia caracterizar a cultura de competição do MO que ele não via desenvolver na EF antes pelo contrário O discurso de Coubertin apresenta inúmeros pontos de contacto e similitude com o agôn de Nietzsche na Competição em Homero quando este explica que os gregos antigos para que a competição não tivesse limites regulamentavam na Ora para os prosélitos da EF a competição para além da que decorria de uns jogos informais atentava contra as boas práticas pedagógicas pelo que a todo o custo era necessário evitar que os alunos fossem submetidos aos confrontos im próprios da competição desportiva Sem necessidade porque para Nietzsche que consideramos ter sido um dos ideólogos ocultos de Coubertin os gregos antigos no sentido de renovarem constantemente o círculo do agôn não eram favoráveis à hegemonia por um grande período de tempo de um vencedor sobre os demais concorrentes Tal situação retiraria aos vencidos a vontade para uma nova disputa Esta tendência agónica é representada através da estória do corajoso Hermodoro que acabou banido e votado ao ostracismo pelos efésios pelo facto de num ato de heroicidade superar todos os seus companheiros de batalha desrespeitando a tática bélica do seu exército entre nós ninguém deve ser melhor se alguém no entanto o for que o seja noutro lado e entre outra gente E qual a razão para que ninguém pudesse ser o melhor Porque se tal ocorresse a competição esmoreceria e desta maneira ficaria ameaçada a razão do Estado helénico E Nietzsche a este propósito afirma que tal é o cerne da ideia de agôn que detesta o despotismo e teme os seus perigos gerando como meio de proteção contra o génio precisamente um segundo génio 22 Ora esta peça do discurso de Nietzsche ajusta se perfeitamente ao pensamento de Coubertin que tinha do espírito competitivo inerente ao desporto um sentimento profundamente democrático Para Coubertin aqueles que não se sujeitavam às regras da competição que podia ser política ou desportiva deviam ser ostracizados 23 Portanto mais do que uma qualquer ética de fair play decorrente da defesa de um estatuto competitivo através de uma posição irredutível contra o profissionalismo tratava se de uma ética de conflito que rejeitava a frase de carácter higiénico mens sana in corpore sano do poeta romano Juvenal para abraçar uma nova ideia de caráter eminentemente desportivo por ele concebida mens fervida in corpore lacertoso quer dizer um espírito ardente num corpo treinado que decorria do lema olímpico citius altius fortius 24 Para além da EF O Olimpismo através do desporto promove por via da educação uma cultura competitiva mas não uma qualquer competição na medida em que o deve fazer no respeito pelos seus princípios e valores Assim sendo não é toda e qualquer competição que pode interessar ao MO Hoje de acordo com o segundo princípio da Carta Olímpica o objetivo do Olimpismo é colocar o desporto ao serviço do desenvolvimento harmonioso da pessoa humana tendo em vista promover uma sociedade pacífica preocupada com a preservação da dignidade humana Quer dizer a dinâmica da competição não pode ultrapassar os limites da dignidade humana Ora esta perspetiva desencadeada por Coubertin significava uma radical mudança de paradigma relativamente às escolas de EF e ginástica que estavam fechadas em si numa visão limitada e egoísta do mundo Em conclusão diremos que ver longe e com amplitude foi certamente uma das melhores capacidades de Coubertin Por isso ele ao longo dos seus escritos revelou um extraordinário sentido de oportunidade e inovação capaz de perceber que o paradigma da EF que se esgotava na higiene no racismo e num certo hedonismo pedagógico gratuito dos jogos recreativos sem verdadeiras consequências ao nível do desenvolvimento humano estava esgotado Em consequência ele foi buscar à agonística grega o sentimento da competição associando o a todo um conjunto de divisas pedagógicas culturais e desenvolvimentistas a partir de metáforas signos símbolos e emblemas que mais facilmente podiam fazer passar as suas ideias a fim de organizar os JO da era moderna O grande êxito de Coubertin foi o de ter desencadeado um dos projetos sociais de maior sucesso à escala do Planeta quer dizer a institucionalização dos JO da era moderna A nossa convicção é que tal só foi possível porque Coubertin embora que se saiba nunca o tivesse admitido enquanto helenista que era foi certamente buscar a Friedrich Nietzsche também ele helenista de grande prestígio a dinâmica educativa e de promoção social do agôn dos gregos antigos Ao fazê lo centrado nos valores da competição e no super homem presentes no pensamento de Nietzsche provocou uma rutura na dinâmica social em curso protagonizada pelas escolas de EF e desencadeou um novo paradigma que no quadro da amizade do respeito mútuo e da paz entre os povos através da educação e de uma cultura de superação e de excelência teve como objetivo promover o surgimento de um homem novo simbolizado no super desportista para que cem se dediquem à cultura física é necessário que cinco se mostrem capazes de realizar proezas extraordinárias Não foi fácil porque ao tempo de Coubertin a cultura de liderança tinha como exemplo máximo militares como Napoleão 1769 1821 ou Bismarck 1815 1898 que afirmavam o seu poder enquanto líderes pela força da sua vontade porque tinham meios para a fazerem vingar Contudo Coubertin geriu o COI durante trinta anos através de uma liderança sustentada no valor das suas ideias no prestígio do seu conhecimento e no exemplo do seu comportamento profundamente democrático Tal só foi possível porque do ponto de vista político ele foi capaz de através de uma gestão inteligente de recursos humanos pouco preparados e meios operacionais de enorme escassez num estilo soft power de liderança mas com um forte sentido pragmático trazer para a era moderna os valores da competição e à escala do Planeta desencadear uma versão moderna dos Jogos Olímpicos da antiguidade grega Mas a grande lição que Pierre de Coubertin nos deixou é a de que o sucesso dos projetos quer eles sejam desenvolvidos por pequenas organizações ou países depende das qualidades humanas dos líderes no que diz respeito à sua honorabilidade e capacidade de prospetivarem o futuro para além deles próprios Gustavo Pires é professor catedrático da Faculdade de Motricidade Humana Notas 1 No conceito de Ortega y Gasset desenvolvido no texto Origem Desportiva do Estado Cf Gasset Ortega y 1985 El Origen Deportivo del Estado Marid Grefol p9 965 994 2 Cf Coubertin Pierre 1986 La Psychologie du Sport In Textes Choisis Tome I Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 221 In Notes sur l Education Publique Paris Libr Hachette 1901 pp 152 173 chap X Cet instinct sportif dont je parlais tout à l heure ne sommeille pas en chacun de nous pour s éveiller au premier appel Peut être même est il impossible de le faire naître là où il n existe pas en germe Gardez vous de le considérer comme une prolongation de ce besoin de remuer de cette tendance à se dépenser qui sont innés chez l enfant 3 Heraclito 535 aC 475 aC há mais de dois mil e quinhentos anos afirmou de todos a guerra é pai de todos é rei de uns faz deuses de outros homens de uns faz escravos de outros homens livres Cf Heraclito 2005 Fragmentos Contextualizados Lisboa Imprensa Nacional Casa da Moeda 4 Cf Coubertin Pierre 1986 Les Étapes de l Olympisme Le Nouvel Échelon In Textes Choisis Tome III Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 395 In Almanach olympique pour 1919 Lausanne 1918 pp 1 3 L olympisme moderne comme son glorieux ancêtre préparait la jeunesse aussi bien aux rudes contacts des batailles sanglantes qu aux fécondes rivalités du temps de paix Ce qui fera l admiration de l histoire ce sera la soudaine révélation de ces forces individuelles innombrables et indomptables La transformation de l Europe accomplie entre 1870 et 1914 sous l influence de l éducation sportive s est inscrite là en lettres de feu 5 Cf Nietzsche Friedrich 2003 A Competição em Homero In A Competição em Nietzsche Introdução tradução e notas de Rafael Gomes Filipe Lisboa Veja coleção Passagens Este texto de Nietzsche pode ainda ser encontrado em Nietzsche Friedrich s d Cinco Prefácios para Cinco Livros Não Escritos Rio de Janeiro Editora 7 Letras 2ª Edição 6 Cf Coubertin Pierre 1986 Le Congrès de la Sorbonne Textes Choisis Tome II Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 114 Une Campagne de vingt et un ans 1887 1908 Paris 1909 pp 89 98 chap X 7 Cf Nietzsche Friedrich 1987 A Filosofia na Idade Trágica dos Gregos Lisboa Edições 70 pp 46 51 8 Ernst Curtius 1814 1896 foi um historiador arqueólogo e professor alemão Foi professor na Universidade de Berlim e diretor do Museu de Antiguidades na mesma cidade A sua principal obra é uma história em três volumes da Grécia A ele ficam a dever se as escavações que deram com o sítio de Olímpia onde os gregos antigos realizavam os Jogos Olímpicos http archaeology about com od archaeologicalsite1 a olympia htm Consultado em 23 02 2011 9 Cf Hesíodo 2005 Teogonia Trabalhos e Dias Lisboa Imprensa nacional Casa da Moeda 10 Jaeger Werner 2003 Paidéia a Formação do Homem Grego São Paulo Martins Fontes pp 141 253 1ª ed 1936 11 Pour que cent se livrent à la culture physique il faut que cinquante fassent du sport Pour que cinquante fassent du sport il faut que vingt se spécialisent Pour que vingt se spécialisent il faut que cinq soient capables de prouesses étonnantes Cf Coubertin Pierre de 1986 Une campagne contre l athlète spécialisé In Textes Choisis Tome III Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 590 Revue Olympique juillet 1913 pp 114 115 12 Cf Coubertin Pierre 1996 Mémoires Olympiques Paris Editions Revue EPS 1ª ed 1931 13 Exportons des rameurs des coureurs des escrimeurs voilà le libre échange de l avenir et le jour où il sera introduit dans les moeurs de la vieille Europe la cause de la paix aura reçu un nouvel et puissant appui Cf Coubertin Pierre de 1986 Le Congrès de la Sorbonne In Textes Choisis Tome III Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 114 Une Campagne de vingt et un ans 1887 1908 Paris 1909 pp 89 98 chap X http www la84foundation org OlympicInformationCenter RevueOlympique 1974 orf85 orf85u pdf Consultado em 06 10 2000 14 Cf Bulletin du Comité International des Jeux Olympiques n 1 p 2 15 Cf Bulletin du Comité International des Jeux Olympiques n 1 p 4 16 En cette année 1894 il nous a été donné de réunir dans cette grande ville de Paris les représentants de l athlétisme international et ceux ci unanimement tant le principe en est peu controversé ont voté la restitution d une idée vieille de deux mille ans qui aujourd hui comme jadis agite le coeur des hommes dont elle satisfait l un des instincts les plus vitaux et quoi qu on en ait dit les plus nobles Ces mêmes délégués ont dans le temple de la science entendu retentir à leurs oreilles une mélodie vieille de 2 000 ans reconstituée par une savante archéologie faite des labeurs successifs de plusieurs générations Et le soir l électricité a transmis partout la nouvelle que l olympisme hellénique était rentré dans le monde après une éclipse de plusieurs siècles Cf Bulletin du Comité International des Jeux Olympiques n 1 p 3 17 Michel Bréal 1832 1915 foi quem propôs a Coubertin a institucionalização da corrida da maratona no Programa dos JO 18 Posteriormente a ordem das palavras da divisa viria a ser alterada para a que hoje é conhecida Cf Bulletin du Comité International des Jeux Olympiques n 1 p 3 Não se tratou de um engano de Bréal Coubertin num texto de 1894 também utiliza a mesma sequência Cf Coubertin Pierre 1986 Le bilan du congrès de Caen In Textes Choisis Tome III Müller Norbert ed Zurich Hildesheim New York p 385 Les Sports Athlétiques 5 année 25 août 1894 n 230 pp 752 753 Segundo Norbert Müller não se conhecem das razões desta troca 19 Coubertin publicou no número 67 da Revue Jeux Olympiques saído em julho de 1911 um texto intitulado mens fervida in corpore lacertoso que estabelecia uma rutura com a velha máxima de Juvenal mens sana in corpore sano adotada pelos arautos da EF higienista e da supremacia da raça 20 Entre as excepções

    Original URL path: http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=506600 (2016-02-18)
    Open archived version from archive

  • abola.pt
    02 2016 23 30 FC Porto responde ao Benfica nas redes sociais vídeo Futebol Após o triunfo no Clássico o FC Porto publicou um vídeo nas redes sociais em jeito de resposta ao anúncio da BTV que deixava no ar a ideia de que os adeptos dos dragões 19 56 12 02 2016 Football Leaks Portugal e Espanha têm os campeonatos menos transparentes da Europa 18 47 12 02 2016 Benfica FC Porto é um jogo para as características de Marega Ivo Vieira 14 05 12 02 2016 Nuno Pinto apresenta a demissão Ver todas as notícias destaques Liga dos Campeões Real Madrid vence Roma 2 0 O Real Madrid venceu a Roma por 2 0 e está com pé e meio nos quartos de final da Liga dos Campeões Cristiano Ronaldo voltou a ser decisivo com um grande golo que desbloqueou um jogo até aí muito complicado Depois aos 86 minutos Jesé fez os segundo e complicou ainda mais as contas dos italianos Real Madrid Todos esperam que Ronaldo marque sempre Zidane O treinador do Real Madrid Zinedine Zidane ficou muito satisfeito por Cristiano Ronaldo ter marcado à Roma isto porque defendeu que o goleador português está sempre pressionado para faturar em todos os jogos Estou contente Ronaldo ter marcado todos esperam que ele marque sempre golos Também estou contente por termos ganho e quero destacar o esforço de toda a equipa e acho que estivemos muito melhor na segunda parte afirmou Zidane em conferência de Imprensa O Real Madrid tem sentido problemas para ganhar fora de casa A verdade é que vai ser sempre difícil jogar fora e hoje também foi É claro que é mais difícil do que quando jogamos no Santiago Bernabéu Agora ganhar fora na Champions é muito importante e estou contente com o desempenho de Ronaldo e de todos Somos uma equipa O Real Madrid tem dois golos de vantagem e agora vai receber a Roma em casa mas o treinador francês não acha que a eliminatória esteja definida Isso não existe no futebol Nada está decidido Temos de jogar a segunda mão mas é claro que estamos contentes por termos ganho por 2 0 mas nada está fechado Liga dos Campeões Wolfsburgo vence em Gent 3 2 O Wolfsburg ficou mais perto dos quartos de final da Liga dos Campeões ao vencer esta quarta feira no terreno do Gent 3 2 no encontro da primeira mão dos oitavos da competição Draxler foi a figura do encontro apontando os dois primeiros golos da formação germânica aos 44 e 54 minutos No segundo tempo Max Kruse ampliou a vantagem para o Wolfsburgo com o capitão do Gent Sven Kums e Coulibaly a reduzirem para a equipa da casa aos 81 e 89 minutos respetivamente O encontro da segunda mão está agendado para o próximo dia 8 de março em Wolfsburgo Paris Saint Germain Ibrahimovic abre a porta ao campeonato inglês O sueco Zlatan Ibrahimovic que está em fim de contrato com o Paris Saint Germain revelou que dentro de pouco tempo vão surgir novidades em relação ao seu futuro e não afastou o cenário de jogar na Premier League Ainda tenho mais três meses aqui no Paris Saint Germain e depois o que irá acontecer Coisas importantes vão acontecer mas vão ter de esperar para ver afirmou Zlatan Ibrahimovic em declarações reproduzidas pela Imprensa inglesa Questionado se depois de ter experimentado o futebol espanhol italiano e francês se iria para Inglaterra Vou só dizer que estou em boa forma O avançado de 34 anos também tem sido apontado a clubes norte americanos e do Qatar Entre as chuteiras de Ronaldo e o sonho de ser como o ídolo Di María Estilos e Espantos Recados avisos e ameaças O futebol sírio é uma manta de retalhos difícil de descrever Pode se falar do campeonato que continua a decorrer apesar da Guerra Civil e das bombas que rebentam sem aviso Não escolhem sexo nem idade na hora da despedida O que é verdade desaparece num pequeno fragmento e o que é mentira nunca se chega a conhecer o veredito final Tem sido assim desde a Primavera Árabe de 2011 Pode se falar dos muitos jovens que sonhavam em ser jogadores de futebol mas que perderam a vida nessa maldita guerra sem precedentes Pode se falar daqueles jovens cujo sonho ainda persiste Não se consideram refugiados apenas foram obrigados a partir em busca de um futuro melhor Obrigados a abandonar as suas casas para não se perderem entre os escombros Obrigados a correr e nunca olhar para trás com o medo de não conhecerem o amanhã O combate entre o Governo e a oposição não tem forma de parar A ajuda humanitária chega esporadicamente a alguns lugares Milhares de sírios permanecem presos outros nem chegam a porto seguro Apenas desaparecem A oposição fragmentou se os rebeldes lutam uns contra os outros a palavra Al Qaeda está na frente do combate Espera se um milagre Amer não conseguiu esperar No Brasil encontrou um porto seguro Veste a camisola do Guarani sabe de cor todos os passos de Ronaldinho Gaúcho Anas é apenas dois anos mais velho que o seu compatriota escolheu Portugal como esconderijo Lá no Desportivo das Aves já se acostumou aos amigos Ainda recorda a velha Síria quando as cores faziam sentido Hoje predomina o cinzento o fumo as bombas Apaixonado pelo futebol confessa se um admirador de Cristiano Ronaldo mas é em Di María que vê um exemplo a seguir Não trouxe muito na bagagem apenas os sonhos e o pensamento de mudança para um dia mostrar aos sírios que ainda existe esperança A guerra já dura desde março de 2011 na cidade de Deraa depois da prisão de um dos jovens que teve a ousadia de pintar slogans revolucionários no muro da escola durante a Primavera Árabe O dia em que marcou para sempre o Médio Oriente o dia em que a população saiu à rua para protestar contra a má conduta dos ditadores e

    Original URL path: http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=503505 (2016-02-18)
    Open archived version from archive


  • desportivo independentemente da sua dimensão Em conformidade o Governo iraniano ao desejar tirar partido do processo de desenvolvimento daquela estância turística encara a organização de eventos desportivos internacionais como um instrumento capaz de contribuir para a rentabilização dos investimentos realizados pelo que teve de ceder no seu fundamentalismo religioso E Richard Baker diretor de comunicação do FIVB informou o portal insidethegames tivemos a confirmação dos organizadores que o evento será aberto aos fãs de todas as faixas etárias e sexos O que está a acontecer é um triângulo virtuoso entre a economia o desporto e os direitos humanos que de momento já está a provocar transformações significativas na mentalidade dos dirigentes iranianos e a prazo vai certamente provocar muitas mais na medida em que quem saboreia o gosto da liberdade jamais fica saciado Em consequência as mulheres iranianas vão certamente continuar com as suas reivindicações E o desporto para além dos resultados das medalhas do dinheiro e do espetáculo é um excelente instrumento para as ajudar a de uma forma pacífica afirmarem os seus direitos humanos perante as autoridades do seu País Não é a primeira vez que uma simples organização desportiva provoca grandes transformações de ordem social e política à escala do Planeta Recordamos que em 15 de Julho de 1971 o Presidente Nixon surpreendeu os americanos ao comunicar lhes que tinha havido conversações em Pequim entre Zhou Enlai e Henry Kissinger e que o Primeiro ministro da República Popular da China RPC o tinha convidado para visitar o país Tudo tinha começado quando a 6 de Abril de 1971 a equipa de ténis de mesa dos EUA que estava no Japão a participar no 31º Campeonato do Mundo recebeu um convite para visitar a RPC Entretanto a 12 de Abril nove jogadores americanos quatro altos funcionários acompanhados por 10 jornalistas atravessaram uma ponte que liga Hong Kong à China continental e deste modo inauguraram não só uma nova era nas relações internacionais entre os EUA e a RPC como também uma nova visão relativamente às funções que o desporto no quadro da diplomacia internacional pode desempenhar Ao tempo Zhou Enlai durante o banquete em homenagem aos visitantes no Grande Hall do Povo em Pequim afirmou Vocês abriram novo capítulo nas relações entre o povo americano e o chinês Tenho a certeza de que o re início de nossa amizade resultará num maior apoio entre os dois povos E a metáfora da política de ping pong passou a fazer parte dos manuais de ciência política como exemplo de uma estratégia de softpower da RPC que ao tempo desejava libertar se do jugo soviético estabelecendo relações com os EUA Muito provavelmente agora estamos perante uma situação semelhante Claro que se trata de uma pequena abertura contudo enquanto os dirigentes políticos vergados pelo peso dos interesses económicos se curvam perante os dignitários iranianos a FIVB pelo contrário faz vergar a mentalidade retrógrada dos dirigentes iranianos e diz lhes que se desejam organizar o evento desportivo devem começar por tratar as mulheres

    Original URL path: http://www.abola.pt/nnh/print.aspx?id=596929 (2016-02-18)
    Open archived version from archive

  • Simplesmente…, Mulheres… (artigo de Gustavo Pires, 28)
    Simplesmente Mulheres artigo de Gustavo Pires 28 A redireccionar

    Original URL path: http://www.abola.pt/partilhar/?id=596929&zona=nnh&site=1 (2016-02-18)
    Open archived version from archive

  • Simplesmente…, Mulheres… (artigo de Gustavo Pires, 28)
    Simplesmente Mulheres artigo de Gustavo Pires 28 A redireccionar

    Original URL path: http://www.abola.pt/partilhar/?id=596929&zona=nnh&site=2 (2016-02-18)
    Open archived version from archive