web-archive-pt.com » PT » E » ENTRE-LINHAS.PT

Total: 498

Choose link from "Titles, links and description words view":

Or switch to "Titles and links view".
  • Artistas da Bola | Entre Linhas
    se tudo correr normalmente O Real Madrid é apenas o clube com maior currículo na prova Conta com uma verdadeira constelação de estrelas como Cristiano Ronaldo Gareth Bale James Rodríguez Toni Kroos e muitos outros e joga um futebol vibrante vertiginoso capaz de marcar um número de golos quase que pornográfico para o futebol moderno Os merengues perderam Casillas que rumou ao FC Porto Khedira transferiu se para a enfermaria da Juventus e Fábio Coentrão juntou se ao contingente português no principado do Mónaco Mas não é por isso que los blancos ficaram mais fracos foram buscar Casilla para substituir Casillas sim isto aconteceu Danilo ex FC Porto Kovavic deixou Milão e rumou a Madrid e Casemiro retornou ao Real após passagem pelo FC Porto É o mais forte candidato a estar presente nos oitavos de final e um dos mais fortes candidatos a chegar à final e a vencer o grupo A O Malmö é claramente o conjunto mais fraco deste grupo Reforçou se com o avançado Nikola Durdic ex Augsburg e mantém o temível Markus Rosenberg que passou por Ajax West Brom e Werder Bremen A não ser que o Malmö seja uma das surpresas da prova deve ficar se pelo quarto lugar deste grupo e sair das competições europeias sem grande alarido No Grupo B medem forças Manchester United CSKA Moscovo PSV Eindhoven e Wolfsburg Van Gaal começa a sua segunda época no banco dos Red Devils com alguns milhões a menos na conta do clube Depay ex PSV Schneiderlin ex Southampton Schweinsteiger ex Bayern Darmian ex Torino Romero ex Sampdoria e Martial ex Monaco rumaram a Old Trafford numa tentativa de fazer regressar os bons velhos tempos em que o United conquistava títulos De Gea está de volta à equipa após a novela que foi a transferência para o Real Madrid enquanto que Van Persie deixou a enfermaria de Manchester e tenta agora marcar golos pelo Fenerbahçe A título de curiosidade será engraçado ver o regresso de Depay a Eindhoven O Man United é porventura o conjunto mais forte do grupo B mas terá que provar em campo que está preparado para grandes voos O CSKA chega a esta fase após ter eliminado com alguma controvérsia à mistura o Sporting Leonid Slutsky conta com bons jogadores como o regressado Doumbia ex Roma Musa Dzagoev ou Eremenko que podem provar ser muito valiosos nesta fase Se o Manchester United estiver ao nível esperado a segunda vaga para os oitavos de final será muito cobiçada com as restantes três equipas a possuírem argumentos para terem uma palavra a dizer Veremos como o CSKA se comporta PSV também estará na luta pelo acesso aos oitavos de final Parece ter um conjunto mais fraco do que os seus opositores principalmente após perder jogadores com a qualidade de Depay Man United Wijnaldum Newcastle e Bakkali Valencia mas ainda conta com Guardado Maher Narsingh de Jong e Locadia para gerar o pânico nas defesas adversárias Ah E Santiago Arias e Schaars ambos

    Original URL path: http://www.entre-linhas.pt/artistas-da-bola/ (2016-04-25)
    Open archived version from archive

  • A Solução da Formação | Entre Linhas
    só desportiva mas também económica com um risco muito reduzido em comparação com a aposta em jogadores estrangeiros muitas vezes sobrevalorizados devido a várias variantes A aposta na formação num contexto de equipa principal obviamente tem benefícios económicos no sentido em que se está a potenciar e a valorizar um jogador sobre o qual o clube não teve qualquer custo a não ser o seu ordenado e através do qual pode valorizar o seu selo de formação Desportivamente pode ser também uma mais valia as camadas jovens de um clube podem chegar a ter centenas de atletas os quais já lá estão por lhes terem sido reconhecidas capacidades técnicas físicas ou mentais que os faziam destacar Com o passar dos anos a aposta nos melhores dos melhores se for feita no timing correto poderá tirar grandes proveitos desportivos A juventude de uma equipa pode significar alguma ingenuidade que leva a cometer alguns erros mas não é menos verdade que também tem o efeito de ser uma equipa que luta mais pela sua afirmação tanto coletiva como individual dado que são jogadores a dar os primeiros passos na sua carreira e que em grande parte dos casos sonham em chegar a um patamar mais elevado Futuramente com a venda destes activos é possível reforçar as infraestruturas do clube de apoio à formação tal como à equipa principal assim como reforçar uma ou outra posição mais carenciada através do jogador estrangeiro ou por assim dizer não pertencente à casa Não defendo uma aposta exclusiva na formação pois acredito que através desse modelo dificilmente se conseguem resultados regulares Defendo antes uma assumida aposta na formação com grande parte da equipa formada no clube mas completada por jogadores contratados de reconhecida mais valia e que venham acrescentar experiência à equipa De modo a limitar a exagerada contratação de estrangeiros no futebol em Portugal já se chegou a propor um modelo que defendesse a introdução da exigência de critérios de qualidade na contratação de jogadores estrangeiros nomeadamente um determinado número de internacionalizações e incentivar a aposta em jogadores nacionais por via do IRS segurança social e revisão da Lei do Mecenato Pretende se com isto que caso se contrate um jogador estrangeiro seja realmente um jogador que venha acrescentar qualidade com provas dadas e não apenas mais um Sou um confesso apoiante desta medida que só iria beneficiar o futebol e a nossa liga No entanto por vários motivos a aplicação de medidas que barrem a utilização de atletas estrangeiros é sempre sensível acredito que seja muito improvável que tal medida vigore Na minha opinião mais que uma imposição ou uma lei deve existir sim uma reformulação no pensamento e visão de grande parte das estruturas dos clubes apostar na formação é a solução mais viável e sustentável a nível financeiro que dá resultados muito positivos a médio longo prazo e pode ser desportivamente uma grande mais valia levando à melhoria constante O presente e o futuro estão na formação Tweet Pin It Partilhar isto

    Original URL path: http://www.entre-linhas.pt/a-solucao-da-formacao/ (2016-04-25)
    Open archived version from archive

  • As crónicas de um Pastel de Belém – Episódio 20 | Entre Linhas
    para não lutarmos pelos 3 pontos Nesta pausa jogou a seleção nacional onde fiquei com a ideia que Fernando Santos terá de começar a olhar mais para os lados do Restelo onde existe bastante qualidade para num futuro próximo talvez até na próxima convocatória chamar por exemplo o Gonçalo Brandão que garante não só o centro da defesa mas que tem a polivalência de jogar na esquerda Com a qualificação para a UEFA Europa League e o começo da Taça da Liga vamos andar numa roda viva de jogos com um tempo muito reduzido para recuperar Tendo em conta este aspeto é importante começar a haver rotação no plantel sendo que temos um plantel razoável para ir rodando sem comprometer a performance da equipa Para o jogo do Benfica este seria o meu onze Hugo Ventura João Amorim André Geraldes Gonçalo Brandão Tonel João Vilela André Sousa Tiago Silva Fábio Sturgeon João Traquina Tiago Caeiro Esta será a melhor altura para defrontarmos o Benfica o plantel ainda não assimilou as ideias de Rui Vitória e penso que temos tudo para pelo menos continuar sem derrotas e conseguir um ponto Lá em casa será Filho vs Pai como podem ver Tweet Pin It Partilhar isto Imprimir Email Facebook Twitter LinkedIn Google Relacionado About the author Hugo Morgado Hugo Morgado Prev Lights up Play ball Next A Bicada da Águia Real Episódio 5 Related Posts As crónicas de um Pastel de Belém Episódio 52 As Crónicas de um Pastel de Belém Episódio 51 As crónicas de um Pastel de Belém Episódio 50 As Crónicas de um Pastel de Belém Episódio 49 As Crónicas de um Pastel de Belém Episódio 47 As crónicas de um Pastel de Belém Episódio 46 No Comments Leave a Comment Clique aqui para cancelar a resposta First Name

    Original URL path: http://www.entre-linhas.pt/as-cronicas-de-um-pastel-de-belem-episodio-20/ (2016-04-25)
    Open archived version from archive

  • Ligas dos últimos que são os primeiros | Entre Linhas
    não são pronunciados sabiam que Tamudo ainda evolui nos relvados Para quê reduzir um jogo ultra moderno de consola à repetição exaustiva de jogos que com frequência são vistos na televisão Para quê Para quê repetir um Manchester United x Liverpool ou um Benfica x Sporting se temos todos os meios para recriar recordar e antecipar um Leeds x Nottingham Forest um derby de Sheffileld um Vaalerenga x Molde Gronigen x KV Kortrijk anyone Preferir o Real Madrid ao FC Ingolstadt Optar pela Juventus preterindo o Chiavari Por favor haja decência Qual é a piada de gerir um grande plantel que de resto já conhecemos à saciedade se podemos estar a conhecer um plantel grande sem um único defesa esquerdo Ou um grupo de trabalho em que qualquer um dos médios não tem mais de 47 ou 48 de nível Uma bola lenta lançada pela linha a solicitar uma desmarcação que de repente se torna tão rápida que o jogador no máximo das suas capacidades é incapaz de a alcançar Atirar a Alianza Petrolera da Colômbia contra o Bayern de Munique e levar o jogo a penalties Escolher o Audax Italiano o CD Palestino Wanderes Barnechea Deportivo Iquique Huachipato Não não vou dizer onde os países de origem destes colossos descubram vocês Vão jogar Há uma liga que não tem o TSV 1860 ou o Grodig o Silkeberg Hartlepool ou mesmo os inescapáveis Tranmere Rovers mas que é muito boa Para terminar uma dica os Newcastle Jets são fraquinhos e talvez em breve possamos com o Dynamo Dresden Tweet Pin It Partilhar isto Imprimir Email Facebook Twitter LinkedIn Google Relacionado About the author Ze Pedro Ze Pedro Prev A Bicada da Águia Real Episódio 5 Next A Caminho de L A Related Posts Sou Imparcial q b Mas Hoje Não

    Original URL path: http://www.entre-linhas.pt/ligas-dos-ultimos-que-sao-os-primeiros-2/ (2016-04-25)
    Open archived version from archive

  • O sonho comanda a vida. Mas não são os sonhos que comandam os jogadores. | Entre Linhas
    de um determinado futebolista do profissional que de facto em qualquer circunstância e por mais complexa que a mesma seja tem a última palavra E esse profissional é obviamente o futebolista Mesmo que eu condene o mundo perverso de influências dos agentes não deixo de compreender de alguma forma o seu lado Posso não simpatizar com os empresários de futebol e não simpatizo mas percebo porque motivo estão no futebol Para ganhar dinheiro E a forma mais rápida e cíclica de ganharem dinheiro passa sobretudo por exemplo por percentagens de transferências ou percentagens de prémios de assinatura Percentagens essas invariavelmente pré estabelecidas com o profissional que representam ou com o clube de destino A razão que me leva a escrever estas considerações prende se com o facto de eu não me rever na forma excessivamente simplista como muitos sócios e adeptos interpretam as dificuldades negociais entre os seus clubes e alguns futebolistas dos mesmos Não relativizo o peso que os futebolistas podiam ter no comando do seu futuro mas que por opção própria relegam quase sempre a última palavra para os seus empresários Porque têm uma garantia basilar independentemente daquilo que o empresário decidir do ponto de vista financeiro o próximo desafio será sempre no pior cenário igual Nunca pior E tendencialmente será sempre melhor Mas vale a pena repetir nunca será pior do ponto de vista financeiro E apenas a curto prazo Ironicamente devido a esta sede pornográfica que os agentes e jogadores têm em coleccionar somas substanciais o mais rápido possível alguns nem todos Mas alguns jogadores perdem se em projectos desportivos menos interessantes projectos que a título de exemplo exigem outro tipo de sacrifício psicológico social no plano familiar e acabam por não concretizar todo o potencial que muitos lhe identificavam ou reconheciam O lado irónico entronca nisto mesmo Devido à sede anteriormente mencionada os próprios agentes e futebolistas acabam por nunca maximizar os valores financeiros que com outra serenidade ponderação honestidade profissional e intelectual e com outro tipo de planificação desportiva e visão a médio longo prazo alcançariam Os verdadeiros sanguessugas que minam o futebol estão cronicamente identificados Por todos nós sem excepção Mas não me peçam para desresponsabilizar o papel que os futebolistas por decisão própria não assumem nas jornadas mais complexas e delicadas de negociação contratual Bem sei que muitos discordarão mas na minha opinião admitindo que um determinado jogador no último ano de contrato decide não renovar independentemente do peso desportivo que o mesmo represente na estrutura da sua actual equipa jamais levarei a mal a decisão administrativa de colocar esse mesmo jogador de parte Naturalmente que poderão existir consequências do ponto de vista desportivo Mas se o futebol é uma indústria não faz sentido um clube continuar a dar visibilidade a um jogador com o qual não terá qualquer retorno Mesmo admitindo a perda de qualidade faz muito mais sentido para mim apostar num outro atleta que permita ao clube futuramente lucrar Um jogador não é obrigado a renovar Está no seu

    Original URL path: http://www.entre-linhas.pt/o-sonho-comanda-a-vida-mas-nao-sao-os-sonhos-que-comandam-os-jogadores/ (2016-04-25)
    Open archived version from archive

  • As crónicas de um Pastel de Belém – Episódio 18 | Entre Linhas
    o Homem do Jogo Ricardo Dias Esteve a um bom nível seguro Abel Camara Para mim tal como já disse não é Ponta de Lança rende mais na ala mas não comprometeu e trouxe mais velocidade ao ataque Fábio Nunes É um jogador rápido mas precisa de mais minutos de jogo Aqui fica a minha pontuação deste jogo Após o jogo com o Altach com um intervalo curto de 2 dias defrontámos o Vitória Sport Clube Algumas caras novas no onze inicial e um começo de 30 minutos a medo permitiram que o Guimarães marcasse e se adiantasse no jogo Após esses 30 minutos iniciais o Belenenses dominou o jogo Para muitos a figura do jogo será o Abel Camara que como disse anteriormente joga muito melhor na ala do que a Ponta de Lança e ficou provado neste jogo mas para mim a figura deste jogo foi João Afonso muito mais rápido que Tonel mostrou muita segurança e um entendimento com o Gonçalo Brandão muitíssimo bom e por isso escolhi o para melhor em campo Hugo Ventura Mais um jogo seguro mesmo com o terreno e a bola molhada já segurou à primeira a maior parte das bolas João Amorim Bom jogo embora as trocas de lado com o André Geraldes tenham gerado o golo adversário André Geraldes Não é lateral esquerdo e mais uma vez demonstrou algumas dificuldades na posição João Afonso Para mim o melhor em campo muito seguro rápido a sair com a bola e um bom entendimento com o Gonçalo Gonçalo Brandão Mais uma vez a mostrar segurança e tranquilidade sendo o capitão é muito importante para a equipa Rúben Pinto Jogo mais esforçado mas seguro Ricardo Dias Bom jogo seguro e sem comprometer Tiago Silva Um jogo mais difícil do que contra o Altach mas precisa de jogar para se afirmar muito bom toque de bola um excelente jogador que merece ter mais oportunidades Fábio Sturgeon Um jogo pobre muito pobre mesmo tocou muito poucas vezes na bola mas fez o golo do empate depois de uma jogada brilhante do Camara A semana passada merecia o golo e não o fez esta semana foi compensado Abel Camara Grande jogo Como já venho a defender há muito tempo ele é mais ala do que Ponta de Lança Tiago Caeiro Fez um bom jogo tocou pouco na bola mas foi muito importante na forma como prendeu os jogadores do Guimarães trabalha muito para a equipa Miguel Rosa Mexeu com o jogo assim que entrou embora fosse para uma posição onde não joga tanto substituindo o Tiago Silva foi rápido e é dos pés dele que nasce a jogada para o golo Fábio Nunes Substituiu o lesionado Fábio Sturgeon mas pouco mais fez André Sousa O pulmão da equipa entrou aos 90 minutos e nada poderia acrescentar Aqui fica a minha pontuação deste jogo Acho que o Sá Pinto fez uma boa gestão do plantel atendendo aos compromissos do Belenenses embora ache que ainda há jogadores que

    Original URL path: http://www.entre-linhas.pt/as-cronicas-de-um-pastel-de-belem-2/ (2016-04-25)
    Open archived version from archive

  • Alea jacta est | Entre Linhas
    quarto scudetto em Milão residem duas incógnitas Entre o topo das últimas épocas e os recém chegados ao convívio dos grandes o campeonato italiano promete acção histórias e golos Muitos golos Serão 38 jornadas e 380 jogos de emoção cérebro rivalidades históricas e ódios ancestrais Depois dos 1024 golos da época passada e de uma média de 2 69 golos jogo que números conheceremos no fim da campanha 2015 2016 O Calcio começa hoje Vaticínios em forma de perguntas Manterá a Juventus a ambição ou terá a sucessão de vitórias domésticas saciado a fome dos bianconeri depois de 4 títulos consecutivos Entre as saídas de Pirlo Vidal e Tevez as dúvidas muitas sobre a permanência de Pogba e as entradas de Mandzukic e de Zaza conseguirá Allegri dar continuidade à senda vitoriosa da Vecchia Signora Na capital terá a Roma no terceiro ano do consulado de Garcia e depois de um significativo reforço do plantel a capacidade de romper com o domínio bianconero e conquistar o quarto scudetto Serão Dzeko Falque e Digne suficientes para robustecer os giallorossi E em Milão Estará o buraco negro futebolístico que assentou arraiais nas últimas épocas no San Siro Giuseppe Meaza em vias de desaparecer O A C Milan aposta forte tanto em jogadores Bacca Luiz Adriano pressing forte por Roberto Soriano e Axel Witsel e uma promessa de Ibrahimovic como talvez mais importante na equipa técnica liderada por Sinisa Mihajlovic De facto a pré época deixou a metade rossonera da catedral de Milão com os corações ao alto Já o Inter sob o comando de Mancini após nova época de fracasso promoveu mais uma revolução no plantel Esta foi pontificada pela saída de Kovacic para o Real Madrid que segundo a imprensa italiana nomeadamente La Gazzetta dello Sport se deveu a motivos financeiros De assinalar o regresso a Itália de Jovetic Por último qual será a esperança de vida dos recém promovidos Bolonha Carpi e Frosinone Especialmente a dos dois últimos Será que a busca de jogadores experientes como são o caso de Borriello no Carpi e de Verde e Rosi no Frosinone serão suficientes para encarar a longa campanha que se avizinha com maior confiança Figura chave do defeso Mihajlovic A frase Piuttosto che allenare il Milan morirei di fame traduzindo Mais depressa morro de fome do que treino o Milan frase proferida em 2010 por Sinisa Mihajlovic o novo treinador do A C Milan Alea jacta est Ou em bom português a sorte está lançada Tweet Pin It Partilhar isto Imprimir Email Facebook Twitter LinkedIn Google Relacionado About the author Ze Pedro Ze Pedro Prev Dragão sem sal ução Next 21 Questões Agosto 2015 Related Posts Sou Imparcial q b Mas Hoje Não Quadriga 1 Serie A ou mais quente só o Sol Telegrama d Itália Quinze jornadas depois Serie A 11ª jornada No Comments Leave a Comment Clique aqui para cancelar a resposta First Name Last Name Email Website Your message Submit Comment Quero ser notificado de comentários adicionais por

    Original URL path: http://www.entre-linhas.pt/alea-jacta-est/ (2016-04-25)
    Open archived version from archive

  • As Crónicas de um Pastel de Belém – Episódio 17 | Entre Linhas
    pudesse ter feito melhor e o terceiro golo surge de uma jogada rápida que também não dá hipóteses Aos 93m ia deitando tudo a perder em nova bola que não segurou Depois na defesa os laterais André Geraldes e Filipe Ferreira fizeram um jogo mais ou menos tranquilo sendo que se nota ainda alguma falta de ritmo do Filipe Ferreira Os centrais Gonçalo Brandão e Tonel fizeram também um jogo razoável sendo que o Gonçalo marcou um golo e o Tonel ficou mal na fotografia no terceiro golo No meio campo o Ruben Pinto foi o elo mais fraco embora tenha marcado um golo não esteve ao seu nível O André Sousa fez mais um bom jogo com garra e querer O Carlos Martins está a revelar se de extrema importância no plantel faz mexer a equipa marca golos nem que seja de penalty e nos 79m que esteve em campo esteve sempre a um bom nível O João Vilela que o substituiu nada mais acrescentou Nas alas Dálcio foi para esquecer é rápido dribla bem mas neste jogo não se viu nada tendo sido substituído pelo Miguel Rosa que melhorou muito a estabilidade da equipa foi uma espécie de lufada de ar fresco Por outro lado o Fábio Sturgeon esteve em grande está a crescer sem medos foi para cima dos adversários e merecia o golo infelizmente não conseguiu mas ajudou a equipa a desequilibrar Para mim o melhor em campo No ataque o Abel Camará que para mim é mais ala que Ponta de Lança esteve bem sem comprometer arrancou um penalty mas penso que não é a melhor posição para ele Foi substituído aos 68m pelo João Traquina que também mexeu no jogo foi rápido nas transições ainda a tentar entrosar se na equipa mas com uma boa réplica Eu jogador de quem eu espero muito Deixo vos aqui o resumo do jogo para tirarem as vossas ilações A partir desta crónica lançarei a pontuação das Crónicas de um Pastel de Belém que pretende ser uma avaliação jogo a jogo de todos os jogadores É pontuada de 0 a 9 e reflete a minha opinião pessoal sobre a prestação de cada jogador Tabela de pontuação da 1ª Jornada Depois desta análise hoje jogamos o acesso à fase de grupos da Liga Europa contra o SCR Altach que eliminou o Vitória de Guimarães mas que na sua Liga está mal classificado tendo perdido o último jogo frente ao Salzburgo por 2 0 ocupando a 9ª posição com 3 pontos 5 golos marcados e 9 sofridos em 5 jogos 4 derrotas e 1 vitória Acredito que o Sá Pinto saberá montar uma equipa com vontade e querer e que este Altach está ao alcance do Belenenses embora no futebol haja surpresas tal como aconteceu com esta mesma equipa frente ao Guimarães Para mim este será o onze inicial sem grandes surpresas Hugo Ventura João Amorim André Geraldes Gonçalo Brandão Tonel Rúben Pinto André Sousa Carlos Martins Fábio Sturgeon Miguel

    Original URL path: http://www.entre-linhas.pt/as-cronicas-de-um-pastel-de-belem-episodio-17/ (2016-04-25)
    Open archived version from archive



  •